quarta-feira, novembro 14, 2007

Caso da El Jueves: Tribunal decidiu ontem
Humoristas condenados em 3000 euros cada

Os dois autores do cartoon da capa da revista satírica El Jueves que originou a apreensão da edição de 20 de Junho foram ontem condenados a pagar uma multa de três mil euros cada um.
Segundo entendeu o tribunal, a caricatura do casal de príncipes herdeiros num acto sexual, desenhada pelo cartoonista Guillermo Torres segundo uma ideia de Manel Fontdevilla (também desenhador), "ofende o príncipe" Felipe e a sua mulher Letizia.
O Ministério Público tinha pedido uma multa de seis mil euros para cada um dos acusados, e pretendia que fosse tido em conta um artigo do Código Penal espanhol que prevê até dois anos de prisão para quem "caluniar ou insultar o rei e qualquer um dos seus ascendentes ou descendentes".
O cartoon em causa satirizava a decisão do Governo socialista espanhol de conceder um "cheque-bebé" no valor de 2500 euros aos pais de cada criança que nasça em Espanha. O desenho representava Filipe e Letizia, em pleno acto sexual, enquanto o príncipe afirmava: "Já viste? Se ficas grávida... isto vai ser a coisa mais parecida com trabalho que fiz na minha vida!".
A defesa declarou que vai recorrer da decisão judicial.

Como El Jueves viu o caso
Para ver como o acusado Manel Fontdevila interpretou a reacção à apreensão da El Jueves, clique aqui: http://www.eljueves.es/secuestro/manel.aspx
E para conhecer a visão igualmente bem humorada de Monteys, clique aqui: http://www.eljueves.es/secuestro/monteys1.aspx

1 comentário:

filomeno2006 disse...

Don Juan Carlos ha ganado muchas simpatías en España por la famosa frase: ¿Por qué no te callas? dirigida al mandamás venezolano......